sexta-feira, 12 de fevereiro de 2016

Justiça suspende os direitos políticos do ex-prefeito Chico Cunha; ele recorre



A justiça julgou procedente uma ação de improbidade administrativa impetrada pelo Ministério Público Estadual, contra o ex-prefeito de Tuntum, Francisco das Chagas Milhomem da Cunha. De acordo com a intimação de sentença publicada pela Comarca de Tuntum e encaminhada para o seu defensor, Chico Cunha, inicialmente, teve seus direitos políticos suspensos pelo prazo de 4 anos. A justiça ainda lhe condenou a pagar, em forma de multa, 50 vezes o último subsídio (salário) ordinário que deveria receber, referente ao mês de dezembro de 2012. Sentença ainda se estende a outras execuções, como a de contratar com o Poder Público ou receber benefícios, incentivos fiscais e creditícios.
A decisão foi prolatada dia 12 de dezembro, pelo juiz Carlos Eduardo Coelho de Sousa, que estava respondendo pela Comarca na ocasião. O blog tentou entrar em contato com Chico Cunha, mas ele não foi encontrado para falar sobre a decisão. A filha do ex-prefeito, advogada Mayara Cunha, por intermédio de um colaborador do blog, afirmou que seu pai já recorreu da decisão e que já está aguardando um novo julgamento, inclusive, com grandes possibilidades de ser inocentado das acusações do Ministério Público. No dia de ontem o blog publicou uma matéria em que Chico Cunha se declarava pré-candidato a prefeito. Agora ele terá que esperar mais um pouco para oficializar sua pré-candidatura...




De Deusimar Lobão

Nenhum comentário:

.

.